quinta-feira, 29 de março de 2007

"Neon Bible"


A banda revelação de 2005 está de regresso com “Neon Bible”, o aguardado sucessor de “Funeral”. A responsabilidade é enorme mas só defrauda mesmo, quem estava à espera de mais um milagre dos meninos-prodígio. "Neon Bible" é apresentado por “No cars go” – música que integrava o EP homónimo que os Arcade editaram a expensas próprias em 2002. Deixo-vos com o registo ao vivo no Rock en Seine. É um regresso às origens mas fundamentalmente, um aviso:

«Nós, os Arcade Fire, somos aquilo que somos mas também o que já fomos».

Não deixem de ouvir…

2 comentários:

jorge c. disse...

Não sou um fã de Arcade, mas reconheço a sua qualidade chegando até a considerar um dos mais conseguidos projectos desta nova vaga.

Subscrevo o que foi escrito pelo Miranda: ouçam o disco porque vale a pena! (Eu é que não gosto).

Marta Araújo disse...

Eu gosto muito dos Arcade e já ouvi o novo trabalho deles que é, de facto, e sem qualquer margem para dúvidas, muito, muito, muito, mas mesmo muito bom!

É claro que gosto não se discutem mas ouçam o disco porque vale mesmo a pena!