quarta-feira, 12 de abril de 2006

This is Radio Clash!

24 de Dezembro de 1987 , no rádio soava a última música do programa do nosso herói, na Rádio Caos. O último tema não podia deixar de ter a vertente eclética que tanto distinguia este programa.
Nesse mesmo ano, a Assembleia da República aprovou a lei que fez desaparecer todas as rádios pirata, nesse ano começava a morrer aquilo que para muitos foi a única enciclopédia que conheceram na vida - a rádio dos que a faziam com amor e sinceridade.
Todos eram livres e eram livres por culpa da música que ouviam! O herói desta pequena história, ouvia tudo e divulgava tudo, mas como toda a gente tinha uma grande referência que o seguiu sempre - The Clash! Mas, perguntam vocês, como é possivel ser tão eclético e a banda de eleição ser uma simples banda de rock'n'roll?? É simples, The Clash é uma banda com uma abrangência musical muito grande que vai do rock ao dub.
Mas não era só por isso que estes 4 Magníficos o cativavam. Era a sua energia, a sua força, a sua luta e a sua poesia. E por isto, sempre que falava de Clash o seu rosto e a sua voz transportavam a fúria, a ironia, a revolta, a alegria e o amor que saía da música da Banda de Strummer e Jones.
O nosso herói é um homem de lutas, não olha a cor, a partido, a sexo, a nada, só àquilo que ele acha correcto e honesto! Dizem que um homem também se faz da música que ouve! Este homem partilhou com os outros aquilo que ouvia!
Já há muito que se perdeu o espirito de partilha de discos com os amigos e de gostar das coisas por nós próprios! Era isto que os Clash queriam, que cada um pensasse por si e que procurasse para poder escolher e não que ficasse sentado no sofá á espera dos discos da semana com pontuação no Blitz. Os Clash queriam que saíssemos para a rua num motim de rock'n'roll.
Não vos vou falar na música que ouvimos, vou-vos convidar a ouvirem os discos, só dessa forma perceberão a paixão do nosso herói!
O nosso herói não é nenhum herói, ele só não tem medo que a cidade arda porque mora junto ao rio!


OBRIGADO RUI SPRANGER!

5 comentários:

GRaNel disse...

Continuuo à espera...

rodrigues76 disse...

Depois desta sessão só posso concluir que continuamos apaixonados...

PS - Não podias deixar de falar no Blitz... :P

Rui Vieira disse...

parece que a paixão do Spranger foi sedutora... Também o Jorge sucumbiu ao encanto dos The Clash, tal é a força do seu resumo.

PS: ainda bem que quando referiste magnificos, frisaste que eram 4. Para "ferroadas" já basta a do Blitz :p

Jorge Carvalho disse...

Como diz a música que está no ar: " you have to admit it's getting better, it's getting bettter all the time!"

GRaNel disse...

Pois... o Clube tem paixões destas e eu retido naquele rectangulo de terra que já devia ter sido vendido aos ingleses.

À parte disso, um grande abraço de parabens aos dois. O primeiro pela paixão que nos trouxe e ao segundo, pelo brilhante resumo com que nos brindou.